Nike Air Zoom Pegasus 34

Antes de entrar nos detalhes do Nike Air Zoom Pegasus 34, precisamos levar um fato em consideração: manter um modelo de tênis para corrida por 34 versões não é apenas demonstrar competência, mas sim deixar registrado na história os ideais de uma marca. E a Nike deu início a esta corrida em 1983, quando colocou no mercado o primeiro Pegasus.

Um Pouco de História

A Nike que conhecemos hoje, uma multinacional norte-americana que anualmente circula bilhões no mercado, nada mais era do que uma simples distribuidora de calçados esportivos fundada em 1964 pela Universidade de Oregon (detalhe: os calçados distribuídos eram da fabricante japonesa Onitsuka Tiger, que hoje chamamos de ASICS).

Só em 1971 a Nike colocaria seus primeiros calçados no mercado. Mas antes disso, acredite se quiser, um dos seus fundadores chamado Bill Bowerman já fazia seus testes artesanais, quando usou uma Iron Waffle (máquina de fazer Waffle) para moldar a sola de um dos seus calçados. Deu certo! Não só na época, já que até hoje a Nike utiliza este conceito em seus solados – que ainda hoje conhecemos como solado Waffle.

Com 12 anos de mercado, em 1983, a Nike lança um dos seus calçados que a faria competir de igual para igual com a concorrência cumprindo a missão de oferecer um calçado de treinamento de qualidade, de baixo custo e que atendesse a todas as pessoas. Sim, estamos falando do Nike Pegasus.Nike Pegasus realmente atendia a todas as pessoas. Seus primeiros modelos custavam pouco, ofereciam um ótimo amortecimento e o melhor, eram extremamente duráveis! Pronto, esses foram os primeiros passos para que a Nike ganhasse o favoritismo dos corredores e viesse a ser o que é hoje. E tudo isso também explica o por quê hoje, em 2017, o Tênis Para Corrida pode publicar o mais recente lançamento desta marca: a 34ª versão do modelo Pegasus – que agora conhecemos como Nike Air Zoom Pegasus 34.

Nike Air Zoom Pegasus 34

A nova versão de um dos calçados mais populares da marca, o Pegasus, faz parte do projeto Breaking 2 da Nike, que estimula atletas a tentarem finalizar uma maratona em menos de 2 horas. Claro, o projeto não é apenas um desafio para corredores, já que o grande objetivo da marca é desenvolver calçados que ofereçam condições para isso. Ao todo são três lançamentos direcionados ao Breaking 2: Nike Zoom VaporFly 4%, Nike Zoom Fly e Nike Air Zoom Pegasus 34.

Em especial, o Pegasus 34 mantém grande parte de suas características estruturais em relação à sua versão anterior. Mas seguindo o objetivo do Breaking 2, a Nike fez algumas melhorias em seu cabedal para oferecer mais conforto e respirabilidade.

Air Zoom Pegasus 34 é um tênis para corrida das categorias de amortecimento e estabilidade. Destinado a corredores de pisada neutra, seu melhor desempenho pode ser notado em treinamentos diários e provas de corridas realizadas em ruas e asfalto. No geral, quem experimentou o Pegasus 33 vai se sentir familiarizado com experiência oferecida por esta nova versão.

Novidade no Nike Air Zoom Pegasus 34

Com poucas modificações, as melhorias do Pegasus 34 foram destinadas a sua parte superior. O cabedal, que está mais charmoso, apresenta a versão atualizada da tecnologia Flymesh, uma malha de tramas abertas que agora recebe fios de monofilamentos translúcidos em sua construção. Calma, não se assuste com esse nome, como sempre as marcas utilizam nomes científicos para criar um ar de novidade e potencializar suas criações. Mas sentimos informar que “monofilamentos translúcidos” nada mais é do que a definição para fios compostos por polietileno e poliamida, ou seja, um nome complicado para a boa e velha linha de Nylon.

Pode parecer, mas isso não é um balde de água fria, já que utilizar este material na construção do Flymesh significa muita coisa boa. Este material é muito resistente, por isso podemos esperar ótima durabilidade no cabedal do Nike Air Zoom Pegasus 34. E utilizar estes fios em sua estrutura pode ser a razão pela qual a Nike conseguiu inserir furos maiores na nova versão do cabedal. Pela resistência deste material, estes furos não apresentam risco de rasgar com o tempo de uso. Além disso, estas aberturas facilitam troca de ar entre o interior e o exterior do calçado, resultando em mais ventilação e controle de temperatura oferecidos pelo Pegasus 34. Outra vantagem que este material apresenta é proporcionar um ajuste ligeiramente mais suave e macio.

Uma outra atualização que podemos perceber no cabedal do Pegasus 34 são os Flywire¸ que agora não estão mais aparentes nas laterais do cabedal. Por enquanto, esta modificação nos parece muito mais estética do que funcional. Mas podemos levantar duas questões: será que desta forma os cabos ficam mais protegidos? Ou será que desta forma estarão mais próximos dos pés e podem gerar uma pressão desconfortável?

Bom, estas e outras respostas a gente só terá se experimentar o novo modelo Nike Air Zoom Pegasus 34! Enquanto isso, ficamos com o review!

Cabedal

Nike Air Zoom Pegasus 34 apresenta um cabedal respirável e de ótimos ajustes, graças a tecnologia Flymesh que foi atualizada. Seu cabedal é de construção única, isso significa que ele não possui costuras, oferecendo segurança ao eliminar pontos de fricção entre o calçado e a pele do pé. Sendo assim, Pegasus 34 garante aos corredores um fim de corrida sem as indesejadas bolhas ou escoriações. Outro fator que colabora para o conforto e segurança dos pés é o forro interno, que possui tanta respirabilidade quanto o resto do cabedal.Ainda na parte superior do Air Zoom Pegasus 34 contamos com a tecnologia Flywire que, basicamente, são fios extremamente leves e de alta resistência que percorrem a lateral do tênis na altura do meio do pé. Os cabos Flywire se integram aos ilhoses, por isso estão associados ao cadarço e trabalham juntos quando os amarramos, criando assim ainda mais estabilidade para os pés. Esta tecnologia ainda oferece outro benefício aos corredores, já que colaboram na redução de peso do calçado (já que substitui camadas extras de tecido normalmente usadas para dar sustentação).

Com poucas novidades no cabedal, Nike Air Zoom Pegasus 34 com certeza continuará oferecendo conforto, ajuste, suporte e muita respirabilidade pra quem pretende correr por vários quilômetros seguidos!

Entressola

Os fãs da marca já estão familiarizados com a tecnologia que revolucionou o mundo esportivo na década de 70: Nike Air, que consiste em uma capsula de ar inserida da entressola. Este sistema de amortecimento ganhou uma variação, que é a Air Zoom. Basicamente, a tecnologia Nike Zoom são fibras de tensão inseridas no interior da unidade Nike Air, que trazem como principais benefícios um excelente amortecimento de baixo perfil e um alto poder de retorno de energia.

Uma melhoria que fez muito corredor feliz foi a adição da capsula Air Zoom na região frontal da entressola. Esta melhoria foi feita para o Pegasus 33 e continua nesta nova edição. Sendo assim, o modelo Nike Pegasus 34, que recebe duas unidades Air Zoom, é capaz de oferecer amortecimento no impacto inicial (calcanhar) e propulsão de qualidade (antepé). Este sistema de amortecimento fornece ao atleta melhores condições para corridas com desempenho superior, menor estresse físico, menos cansaço e passadas mais estáveis.

O restante da estrutura da entressola do Zoom Pegasus 34 também continua a mesma: uma camada única de espuma Premium Cushlon ST (uma variação do Cushlon comum feita para calçados da linha de estabilidade).

O diferencial desta entressola são os materiais utilizados em sua fabricação. Diferente das entressolas comuns, que são feitas de EVA, a entressola Cushlon apresenta mais de 40% de borracha em sua composição. O resultado é um material muito mais leve, macio, de alta resiliência, de amortecimento eficaz e ótima durabilidade.

Nike Air Zoom Pegasus 34 dá continuidade ao legado deste modelo em termos de qualidade de amortecimento, estabilidade, segurança e muito conforto.

Sola

Pegasus 34 recebe o solado Waffle: padrões hexagonais que cobrem grande parte da sola. Nesta região é utilizada uma borracha mais macia, com menor tratamento de carbono. Esta borracha em conjunto com o solado Waffle oferece tração eficiente e mais aderência ao solo.Já o calcanhar e toda a lateral externa da sola do Air Zoom Pegasus 34 apresenta uma peça de borracha que se estende por toda a área e possui apenas um sulcos flexíveis longitudinal, porém muito mais profundo. Este corte profundo proporciona mais flexibilidade ao solado. Nesta área a sola recebe borracha de carbono, que é mais firme e resistente, já que neste local se encontra a zona de maior desgaste do solado.

Durabilidade, tração e flexibilidade: é o que oferece o solado do Nike Air Zoom Pegasus 34 .

Conclusão

Nike Air Zoom Pegasus 34 possui versatilidade e cumpre com louvor os objetivos pelo qual foi criado em 1983: ser um calçado que atendesse todos os corredores. Oferece leveza e conforto para longas distâncias, resposta e estabilidade para velocidade, maciez e suavidade para o treino diário. Tudo isso com uma excelente durabilidade. Seu custo faz jus aos seus benefícios e pode ser comprado pelo preço sugerido de R$499,90. Pegasus 34 vale a pena!

Características do Nike Air Zoom Pegasus 34

  • Pisada: neutra / supinada
  • Terreno: rua / asfalto
  • Categoria: amortecimento
  • Peso: 286g (tamanho 42)
  • Drop: 10mm
  • Preço sugerido: R$499,90
Veja Mais Modelos [+]